Acesso ao Portal Paulinas

Ciberteologia
Revista de Teologia & Cultura

Edição nº 14 - Ano III - Novembro/Dezembro 2007 - ISSN: 1809-2888

Liberdade e cristianismo em Kierkegaard

Maria Cristina Mariante Guarnieri

    O artigo aponta a questão da liberdade em Sören Aabye Kierkegaard, sua relação com a existência e com o cristianismo, especificamente com o que ele denomina Deus-homem. Esse Deus-homem é o paradoxo absoluto. É o mestre salvador, libertador, reconciliador e juiz. Para tanto, a autora serve-se fundamentalmente de duas obras do autor: Migalhas filosóficas e O conceito de angústia. Na primeira, Kierkegaard apresenta o paradoxo Deus-ser humano e revela o conceito de “instante” como síntese da temporalidade e eternidade. Na segunda, investiga a liberdade e analisa o conceito de “espírito” como síntese do corpo e alma.