Acesso ao Portal Paulinas

Ciberteologia
Revista de Teologia & Cultura

Edição nº 36 – Ano VII – Outubro/Novembro/Dezembro 2011 – ISSN: 1809-2888

Literatura e imaginário: o sagrado em Manoel de Barros

Maria Auxiliadora Fontana Baseio

Compreendemos a literatura como espaço fecundo e impulsionador de transformações. Nesse ventre ficcional tecido pelo imaginário, o sagrado manifesta-se como forte alimento sensibilizador. No contexto deste artigo, o sagrado ganha o sentido antropológico de situação existencial qualitativamente distinta da vida ordinária e, como fenômeno complexo, apresenta-se, ao lado do profano, como uma modalidade de ser no mundo, capaz de conferir sentido à existência humana. Nosso propósito é discutir a presença do sagrado no projeto estético de Manoel de Barros, ao revelar sua consciência mágica, grávida de maravilhoso, capaz de encantar o leitor e fazer “milagrar” a vida humana.

Recebido: 07 de junho 2011
Aprovado: 05 de julho 2011