Acesso ao Portal Paulinas

Ciberteologia
Revista de Teologia & Cultura

Edição nº 54 – Ano XIII – Janeiro/Abril 2017 – ISSN: 1809-2888

O Discernimento da Consciência na Exortação Apostólica “Amoris Laetitia”

Resumo: A presente reflexão pretende analisar alguns elementos importantes que estão presentes  no capítulo oitavo na exortação pós-sinodal Amoris Laetitia (AL) do papa Francisco, sobre discernimento da consciência. Além de fazer um retrospecto sobre a redação do texto, propomo-nos a destacar a centralidade do tema da consciência presente neste magistério pontifício. Salientaremos que a realidade do matrimônio cristão necessitaria de um olhar adequado, sendo a confluência de uma dinâmica humana aberta à graça de Deus, vivida como vocação. Destacamos que tanto o discernimento como a consciência são duas categorias teológicas que o papa assume enquanto dimensões dinâmicas e complexas, apontando para o paradigma ético-teológico da misericórdia. Esta percepção nova, presente no magistério, convida toda a Igreja a uma “teologia em saída”.

Palavras chave: Discernimento; consciência; misericórdia; vocação e ética