Acesso ao Portal Paulinas

Ciberteologia
Revista de Teologia & Cultura

Edição nº 35 – Ano VII – Julho/Agosto/Setembro 2011 – ISSN: 1809-2888

Religiosidades populares: festa do Muquém Caminho como forma de experenciar o sagrado

Selma D’Abadia Oliveira
Carolina Teles Lemos

Na pesquisa, cujo resultado parcial pretendo apresentar, busco interpretar o conjunto de crenças e de valores que estão associados às atividades, às ações e às práticas vivenciadas pelos devotos que percorrem o caminho (trajeto percorrido em forma de peregrinação realizada por ocasião da festa da romaria do Muquém). Entendo que assim, o caminho, o lugar e o sagrado na festa da romaria do Muquém, são bastante significativos junto a vários segmentos sociais. A experiência do caminho, o acampar, leva os indivíduos a reestruturarem seus ethos, sua visão de mundo e seu estilo de vida. Entre os aspectos que são ressignificados ao longo do caminho durante a peregrinação, e durante a festa, está o ideário da comunidade.