Acesso ao Portal Paulinas

Ciberteologia
Revista de Teologia & Cultura

Edição nº 54 – Ano XIII – Janeiro/Abril 2017 – ISSN: 1809-2888

Uma forma de colocar os pobres em seu lugar

O dia 19 de abril de 2016 ficará marcado, na memória de certo segmento de brasileiros e brasileiras, como o dia em que o Brasil começou a se apequenar, pelo desejo explícito de sua classe política. Os chamados “representantes do povo”, homens e mulheres, protagonizaram a vergonha: jogando-se uns nos colos dos outros, gritando frases de baixo calão, jogando confetes e serpentinas, portando pequenos cartazes com a frase “tchau querida!” e votando pelo pai, pela mãe, pelos filhos, por Deus, etc. O resultado da votação, já esperado, retirou uma presidenta legalmente eleita, por motivos  pelos quais quase todos os chefes dos executivos, em todos os níveis, deveriam também ser apeados do cargo.

Foi uma vergonha para o país, mas somente depois de montado o governo viram-se os verdadeiros motivos do show: acabar com o caráter de sujeito internacional, que estava sendo construído nesse nível, quer na América Latina quer em nível mundial…